Colheita em Rondon indica que produtividade da soja poderá passar de 170 sacas por alqueire

Considerando que a maioria das lavouras tiveram condições climáticas ainda mais favoráveis, a produção de soja em Marechal Cândido Rondon em algumas regiões vai passar de 170 sacas por alqueire.

Os produtores de grãos do Paraná entram na reta final da primeira safra de 2017, com a colheita dos 5,2 milhões de hectares de soja cultivados no estado.

Em Marechal Cândido Rondon as expectativas são as melhores possíveis, tanto em relação a preços quanto a produtividade.

Este quadro foi confirmado hoje (10) com o recebimento pela Agrícola Horizonte da primeira carga de soja colhida no município.

A entrega foi feita na filial da empresa no Distrito de Bom Jardim.

A área plantada é de 4,5 alqueires e que esteve sujeita a períodos de seca e de baixas temperaturas.

Mesmo assim, a produtividade ficou entre 130 e 140 sacas por alqueire.

Considerando que a maioria das lavouras tiveram condições climáticas ainda mais favoráveis, a produção de soja em Marechal Cândido Rondon em algumas regiões vai passar de 170 sacas por alqueire.

O Gerente Comercial da Agrícola Horizonte, Valdair Schons, fez uma avaliação do primeiro carregamento de soja colhida no município e indicativos para os próximos recebimentos.

Considerando os fatores climáticos que atingiram a primeira área colhida, Valdair Shons, comentou sobre a produtividade máxima que poderá ser observada na safra de soja deste ano em Marechal Rondon.

Fonte: Rádio Educadora

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Esconder