Delegado de Guaíra pede ajuda à população para encontrar autor de disparos que mataram policial rondonense

O elemento que atirou e provocou a morte do policial militar, e que continua foragido, foi identificado como Iago da Silva Lima, 21 anos.

A Policia Civil de Guaira, trabalha intensamente desde ontem a noite, no caso envolvendo a morte do cabo rondonense Fábio Pacífico Dos Santos,  da Policia Militar e dos três envolvidos – dois já  encontram-se na cadeia.

A partir do assalto que terminou em tiroteio no Posto de Combustível Maracaju, da BR-163 – em Maracaju dos Gauchos – Guaira, diversas equipes policiais de Guaíra e da região foram mobilizadas com o objetivo de identificar e prender os envolvidos no crime.

Dois elementos ocupando uma motocicleta chegaram no posto e enquanto um deles invadiu o escritório, o outro ficou na moto, aguardando para fuga.

Nesse momento, o Cabo Pacífico – aposentado – que trabalhava como segurança do posto – reagiu, acabou atingindo o assaltante que estava na moto, contudo, foi baleado pelo bandido que estava no escritório.

Os marginais abandonaram a moto e fugiram para plantações da região, quando populares socorreram o militar que deu entrada na UPA de Guaira, e morreu momentos mais tarde, atingido por três disparos de arma de fogo.

Imediatamente o delegado de Guaira, Deoclecio Detros, iniciou as investigações, para identificar e prender os elementos envolvidos na ação.

Logo após o crime ocorrido, a Equipe Policial, logrou êxito em prender, Fabio Junior Cohene, de 22 anos, identificado como sendo, o bandido que estava na motocicleta quando do assalto e que foi baleado pelo cabo Fábio Pacífico; ele continua internado e depois da recuperação será encaminhado para a Delegacia de Policia.

Também foi preso Wilian Boing Wolfer, também de 22 anos, identificado pela policia como o elemento que – apesar de não ter participado do assalto – foi quem planejou todos os movimentos dos bandidos.

O elemento que atirou e provocou a morte do policial militar, e que continua foragido, foi identificado como Iago da Silva Lima, 21 anos.

Os três elementos envolvidos na ocorrência são moradores de Guaira, e todos possuem passagens pela Policia.

O delegado de Policia de Guaira, Deoclecio Detros, está a frente das investigações e falou com a Equipe do Site Marechal News, nesta quarta-feira (21),  sobre os trabalhos para prender o terceiro elemento, identificado como o autor dos disparos que tiraram a vida do militar rondonense e na entrevista ele pede a ajuda da população, para quem conhecer este elemento avisar a Policia.

O velório do Cabo da Polícia Militar, Fábio Pacífico, morto após ser baleado em um assalto, está acontecendo na Igreja Evangélica Congregacional do Brasil, na Rua Dom Pedro I, próximo do Restaurante Giovialle, em Marechal Cândido Rondon.

O corpo do Policial Fabio Pacífico chegou  as 14h30 desta tarde.

O culto vai ser realizado amanhã (22), as 8h30 da manhã e o sepultamento logo após no cemitério municipal de Marechal Cândido Rondon.

Ouça a entrevista cedida pelo Delegado de Guaíra, DR Deoclecio Detros, para a Equipe do Site Marechal News.

Fotos: Marcio Cerny/Marechal News e Rede Social.

Fonte: Marechal News com informações da Rádio Difusora

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Esconder