Mulher de 41 anos morre baleada no MS

Segundo a polícia, que descarta feminício, uma suposta ligação com o narcotráfico é a hipótese mais contundente.

Joana Bautista Torres Vera, 41, e o filho, de 16 anos, foram baleados no início da tarde da segunda-feira (7), na área central de Ponta Porã (MS).

A mulher, que tinha nacionalidade brasileira e paraguaia, foi atingida com vários disparos de pistola calibre 9 milímetros e morreu no local. O adolescente foi alvejado de raspão e está internado, fora de perigo. Eles estavam em uma caminhonete Toyota Hilux SW4 prata.

Testemunhas confirmaram que os executores estavam em uma moto.

Ponta Porã e Pedro Juan Caballero registraram, juntas, 54 crimes de execução no ano passado. A morte de Joana é o primeiro caso do gênero em 2019.

Segundo a polícia, que descarta feminício, uma suposta ligação com o narcotráfico é a hipótese mais contundente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Esconder